8 sinais de artrite em cães e como tratar

Se você ama o seu melhor amigo de quatro patas, precisa ficar em alerta sobre os 8 sinais de artrite em cães e como tratar! A doença, que também pode acontecer em nós humanos, é degenerativa nas articulações. Isso quer dizer que a artrite desgasta a articulação da cartilagem e prejudica a qualidade de vida dos nossos amigos. 

Quando o assunto é cães, quais seriam as possíveis causas da artrite? Os especialistas apontam o fator idade, já que a partir dos 8 anos isso se torna mais comum. O sobrepeso também é um agravante para o surgimento da artrite em cachorros; o mesmo ocorre com cães grandes ou de determinadas raças como o Pastor Alemão. E, claro, se o seu amigo tiver passado por alguma cirurgia ao longo da vida, também será mais propenso a sofrer com a artrite na velhice.

Pois bem, agora que você já sabe o que provoca, deve estar pensando: “Quais são os sinais que preciso ficar alerta, afinal?”. Vamos listar os 8 sinais de artrite em cães para que você possa ajudar no diagnóstico precoce, melhorando a qualidade de vida do seu melhor amigo.

  1. Ele tem dificuldade motora para se levantar pela manhã? Se sim, isso pode ser provocado pela artrite.
  2. O seu amigo amava passear de coleira e agora já não fica mais feliz com o chamado para passear? Preste atenção, porque isso pode ser sinal de artrite, já que por sentir dor ao andar, ele prefira ficar em casa.
  3. Ele está ficando para trás nos passeios? A velocidade está menor? Algo de errado pode sim estar acontecendo!
  4. O mesmo ocorrerá se ele também já não gosta mais de brincar ou correr pela casa.
  5. Seu cão está se queixando quando tocam nas patas ou emite gemidos de dor durante o dia? A-L-E-R-T-A! 
  6. Olhe direto nos olhos do seu cão e veja se ainda estão brilhosos e felizes, porque caso não estejam, é porque ele tem sofrido com dores.
  7. Perder o apetite também é sinal de artrite, uma vez que ele deixe de comer em virtude da dor que estará sentindo.
  8. Por fim, acompanhe o estado de espírito e o comportamento dele. Se estiver muito diferente do normal, procure por um médico veterinário.

Se você identificou os 8 sinais de artrite no seu cão, como poderá tratar a situação? É claro que a medicação deve ser feita por um profissional e seu bichinho de estimação vai precisar de acompanhamento médico, mas em casa você pode colaborar com isso.

Ajude seu cão facilitando a rotina dele; por exemplo, se na sua casa tiver escadas ou degraus ao longo do espaço, adapte com rampas para que ele possa caminhar mais facilmente. 

Cuide também da balança! A indisposição natural da artrite pode deixar seu cão preguiçoso, portanto, escolha ração balanceada e tente fazer brincadeiras para que ele possa andar mais dentro de casa.

E por último, ame e dê muito carinho ao seu melhor amigo! A doença vai deixá-lo desanimado e é sua missão fazê-lo feliz. Se você tiver mais dúvidas de como ajudar, procure um profissional da área e compartilhe com a gente a sua experiência.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

© Ingá Import. Todos os direitos reservados